Logo

Notícias

Home

Notícias

Reentrada de satélite soviético sobre o Sul do Brasil, veja o vídeo

Publicada por Samira Avelar em 04/01/2022
Tags:

Reentrada de satélite no Sul do Brasil

Na noite desta segunda-feira (03), ocorreu a reentrada do satélite espião soviético na atmosfera. O satélite Cosmos 1437 (código NORAD 13770) estava em órbita há quase 40 anos e caiu sobre a Região Sul do Brasil.

A reentrada foi captada pela câmera do Clima ao Vivo em:

- Tangará/SC - Thiago Boesing Fotos 360°

Por duas câmeras da nossa parceira Bramon (Rede Brasileira de Observação de Meteoros) em:

- Monte Castelo/SC - Jocimar Justino de Souza

E por câmeras de usuários em:

- Jaguarão/RS - Gabriele Aguiar
- Monte Carlo/SC - Guilherme Carlim
- Francisco Beltrão/PR - Marcus Vinicius Dal Bem

Clique aqui e veja o vídeo exclusivo!

Quando o satélite foi lançado?

O satélite foi lançado em 20 de janeiro de 1983 através do foguete Vostok-2M, no Cosmódromo de Plesetsk, situado na antiga União Soviética. Há algum tempo, sua órbita estava se deteriorando e a reentrada já era prevista para a data que ocorreu. 

Satélite Cosmos 1437 antes do lançamento - Créditos: Anatoly Zak / RussianSpaceWeb.com
Satélite Cosmos 1437 antes do lançamento – Créditos: Anatoly Zak / RussianSpaceWeb.com

Análises

Após receber os relatos e analisar os vídeos, a Bramon conseguiu identificá-lo. A trajetória, horário e características da bola de fogo que cruzou o céu do Sul do Brasil são compátiveis com essa reentrada.

Não é fácil prever o horário e local exato onde vai haver uma reentrada, porém a Aerospace conseguiu essa façanha. Com os dados orbitais de três horas antes da reentrada, a Aerospace conseguiu descobrir que seria no Brasil, às 21:02h (horário de Brasília) desta segunda-feira (03). E foi neste horário que a câmera da Bramon, em Monte Castelo/SC, captou o satélite cruzando o céu do Sul do país.

Previsão de reentrada do Satélite Cosmos 1437 - Fonte: Aerospace
Previsão de reentrada do Satélite Cosmos 1437 – Fonte: Aerospace

Essa reentrada foi perigosa?

Ainda de acordo com a Bramon, essa reentrada não trouxe riscos para a população. A maior parte do satélite foi vaporizada ao entrar na atmosfera. As peças mais resistentes podem resistir ao calor da reentrada, porém é provável que tenham caído no oceano, após riscarem o céu dos três estados do Sul (Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Parana) e também do Uruguai.

Veja outra reentrada que flagramos

Dessa vez ocorreu no dia 16 de março de 2021 e foi possível ver através das câmeras do Clima ao Vivo em Belém/PA e em Fortaleza/CE; além de outras cidades do Pará e do Ceará captadas por usuários.


Clique aqui e veja o vídeo exclusivo!

 


AO VIVO:

Veja mais de 220 câmeras em todo o Brasil


Veja mais:

Últimas cidades ativadas
Últimos meteoros registrados


Youtube

No nosso canal do Youtube você pode conferir vídeos exclusivos de meteoros, tempestades, pancadas de chuvas, nuvens raras, dentre muitos outros fenômenos e eventos naturais e/ou extremos. Inscreva-se e recebe nosso conteúdo exclusivo. 

Clique aqui e acesse nosso canal 


Quer receber conteúdo exclusivo no WhatsApp ou Telegram?

Envie um oi nosso WhatsApp ou Telegram: (37) 99831-0169 ou clique aqui para ser direcionado que vamos te adicionar na nossa Lista de Transmissão para receber conteúdo exclusivo sobre tempo e clima.


Veja AO VIVO através de nossas câmeras como está o tempo em mais de 160 cidades


 

Câmeras Ao Vivo

© 2022 Clima Ao Vivo.
Todos os direitos reservados. Startup apoiada pela FCJ Participações S.A