Logo

Notícias

Home

Notícias

ALERTA | Terça-feira (16/02) com chance de tempestades no sul, sudeste e centro-oeste do Brasil

Publicada por Clima ao Vivo em 16/02/2016
Tags:

Depois de uma segunda-feira (15) com chuvas intensas sobre o estado de São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, e conforme foi avisado em nossas postagens, o mesmo quadro pode vir a acontecer sobre as regiões sul, sudeste e centro oeste do país. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (InMet), a terça-feira (16) deve ser marcada por tempestades com alto acumulado de chuva em diversos pontos das regiões citadas já nesta matéria.

RIO GRANDE DO SUL  E SÃO PAULO

O grau de severidade para o Rio Grande do Sul e São Paulo é de perigo, onde o acumulado previsto para apenas uma hora é de 30 até 60 milímetros de chuva, podendo chegar ao 50 ou 100 milímetros em 24 horas. As rajadas de vento podem variar entre 61 e 99 km/h, não se descartando as chances para ventos superiores aos 100 km/h em pontos mais isolados. Os riscos potenciais são de alagamentos, deslizamentos de encostas e transbordamentos de rios.

PARANÁ E MATO GROSSO DO SUL

No Paraná e no Mato Grosso do Sul, o grau de severidade é um pouco mais baixo, mesmo assim continua em estado de atenção! As rajadas de vento podem chegar aos 40 km/h, tendo a possibilidade de ultrapassar os 60 km/h. O acumulado previsto nesta terça-feira para o estado é de 20 a 30 milímetros de chuva, podendo chegar até a 50 milímetros em apenas 24 horas. Há riscos potenciais para queda de galhos de árvores e leves alagamentos, pequenos estragos. 

INSTRUÇÕES

Abrigue-se da chuva torrencial que poderá estar acompanhada de granizo e causar inundações. 

- Não se abrigue debaixo de árvores, nem em frágeis coberturas metálicas, pois há riscos de quedas. 

- Desligue aparelhos elétricos, quadro geral de energia e o gás. 

- Coloque documentos e objetos de valor em sacos plásticos bem fechados e em local protegido. 

- Revise a resistência da sua casa, principalmente o madeiramento de apoio do telhado.

- Não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda (risco de queda pelo vento). 


Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 190) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).


Câmeras Ao Vivo

© 2022 Clima Ao Vivo.
Todos os direitos reservados. Startup apoiada pela FCJ Participações S.A